Notícias

favicon
Alongamento

Alongar para manter a flexibilidade

Quem nunca se machucou ou sentiu algum desconforto ao pegar um livro na parte mais alta da prateleira? Ou já realizou um movimento brusco ao pegar uma caixa ou ao empurrar um objeto ?Muitas pessoas se queixam de terem se machucado ou se lesionado em movimentos corriqueiros. Em vários casos isso pode ter acontecido pelo encurtamento dos músculos ou pela falta de mobilidade articular.
As palavras-chave para entender essas questões? Flexibilidade e alongamento.
O alongamento é a capacidade do músculo de ser elástico; já a flexibilidade está relacionada às articulações, como joelho e quadril. A flexibilidade é uma qualidade física importante para promoção da saúde. Por isso é necessário oferecer ao organismo estímulos frequentes.

Podemos estimular o corpo de diversas maneiras, seja alongando nas academias ou parques, praticando pilates ou ioga.
Eles podem ser feitos de pé, sentado, no espaldar de uma cadeira ou em um colchonete. Realizados com frequência, esses exercícios contribuem para uma melhor postura e maior simetria, além de prevenir lesões. Eles também aceleram a regeneração dos músculos, melhoram a respiração, estimulam o cérebro e ajudam na liberação de serotonina, o hormônio do bem-estar.
Embora a flexibilidade seja negligenciada por muitas pessoas, nunca é tarde para um recomeço!